Quando qualquer um - seja aonde for - estender a mão pedindo ajuda...
Quero que a mão de A. A. esteja sempre ali.
E por isto eu sou responsável.

VIVENDO-A

“A vida espiritual não é uma teoria. É preciso vivê-la.”

Quando novo no programa, eu não podia compreender como viver o aspecto espiritual do programa, mas agora que estou sóbrio, não posso compreender a vida sem ele.

Espiritualidade era o que eu estava procurando. Deus, como eu O concebo, deu-me as respostas aos "porquês" que me mantiveram bebendo por vinte anos.

Vivendo uma vida espiritual, pedindo a ajuda de Deus, aprendi a amar, cuidar e sentir compaixão por todos os meus companheiros, e sentir alegria num mundo onde antes, sentia somente medo.

Fonte: Livro “Reflexões Diárias”.


Alcoólicos Anônimos Online – Todos os direitos reservados